Arroz malandrinho de tomate e lula



O arroz malandrinho é um arroz caldoso típico português que pode ser servido como prato único ou como acompanhamento. O de tomate normalmente acompanha pratos de frutos do mar e realmente é uma combinação perfeita. Comi em Lisboa um arroz de tomate que acompanhava lulas fritas – simplesmente incrível – mas resolvi juntar tudo numa coisa só e fazer um arroz de tomates e lulas.


Tradicionalmente a receita é feita com um tipo de arroz de grão curto que se chama carolino, mas que é difícil de encontrar por aqui. Não deixei que isso impedisse a vontade de matar a saudade dessa delicinha, então tentei com arroz arbóreo, que é o que normalmente se usa para risoto. Ó, deu certo :)


Ingredientes


1 xícara de arroz carnarolli 400g de anéis de lula

4 xícaras de água

4 tomates maduros

1 cebola

2 dentes de alho

1 folha de louro

1/4 de xícara de salsa picada 2 colheres de sopa de azeite 1 colher de sopa de manteiga

Sal e pimenta do reino a gosto


Preparo


1. Pique a cebola e o alho bem fino e os tomates em cubos. Reserve.


2. Aqueça o azeite na panela e adicione os anéis de lula. Frite rapidamente só para perder o aspecto de cru e retire da panela. Tempere com sal e pimenta do reino e reserve.


3. Na mesma panela refogue a cebola no até ficar translúcida. Acrescente o alho e o arroz refogue por mais um minuto, mexendo bem.


4. Adicione os tomates cortados em cubos, a folha de louro e a água. Tempere com sal e pimenta do reino e deixe cozinhar por aproximadamente 20 minutos, mexendo de vez em quando.


3. Quando o arroz estiver quase no ponto, isto é, ainda um pouquinho al dente, adicione as lulas e a colher de manteiga e misture tudo. Finalize com a salsa picada, corrija o sal e a pimenta e sirva em seguida.


Rendimento: 4 porções


Dica: com a lula fresca o sabor e texturas ficam melhores, mas como nem sempre é possível encontrá-la, com a congelada funciona muito bem também. Só é preciso ter mais atenção com o tempo de preparo. Por virem já pré-cozidas, dê só um susto na frigideira e depois acrescente ao arroz no último minuto de cozimento.