Torta de ameixa (Pflaumenkuchen)




Quando eu tinha uns 20 e pouquinhos anos, fui fazer um curso de 1 mês em Colônia, na Alemanha, com meu amigo-irmão Fernando. Apesar de amigos desde criança, a convivência pesou e, verdade seja dita, a gente brigava todos os dias! Nada grave, daquelas brigas que 5 minutos depois já tá tudo bem.


Numa dessas, Fernando quis se desculpar e me trouxe uma pflaumenkuchen, um bolo de ameixas (frequentemente com crumble) bem típico e que se encontra em tudo que é padaria de lá (é doce e azedo, eu amo). Um detalhe sobre essas tortas de padaria lá: elas são feitas em tamanhos enormes, pra comprar só um pedaço, por quilo. Pois não é que Fernando me aparece com uma inteira? Acho que ficamos comendo a torta por umas duas semanas.


A época de ameixas me deixou nostálgica e resolvi comprar algumas e fazer o tal do bolo. A receita quem me deu foi o Gert, um senhor de quem fui vizinha em Dinslaken, uma outra cidade em que morei na Alemanha em outra ocasião, que sempre me convidava para comer tortas de ameixas quando a árvore dele estava carregada delas.


Ingredientes


600g de ameixa

2 xícaras de farinha de trigo

165g de manteiga gelada cortada em cubos

1/2 xícara de açúcar

1/2 xícara de geleia de damasco

2 gemas


Preparo


1. Corte as ameixas em 4 pedaços: primeiro corte em metades, depois as metades em dois pedaços, retirando os caroços. Reserve.


2. Preaqueça o forno a 180 graus.


3. Em uma tigela, misture a farinha, a manteiga, as gemas e o açúcar e faça uma massa.


4. Cubra uma forma ou assadeira (eu usei uma forma de 20 cm com aro removível) com papel manteiga (se preferir, pode untar e enfarinhar levemente). Cubra o fundo com a massa, arrumando com a ponta dos dedos para deixá-la uniforme.


5. Adicione a geleia de damasco por cima da massa e acrescente as ameixas com a polpa virada para baixo e a casca para cima


6. Leve para assar no forno a 180 graus por 40 minutos.


7. Deixe esfriar e polvilhe açúcar de confeiteiro por cima (opcional)